logo loading

Portugal e os Smartphones

Os telemóveis inteligentes vieram para ficar. Já no ano passado as vendas tinham ultrapassado as dos aparelhos tradicionais, e os dados mais recentes da empresa de estudos de mercado revelam que em relação a maio de 2012 se registou um aumento de utilização na ordem dos 80%.

Através de entrevistas telefónicas, o Barómetro de Telecomunicações da Marktest apurou a utilização de smartphones por 4 milhões e 134 mil indivíduos, o que corresponde a 46,4% dos possuidores de telemóvel residentes em Portugal a partir dos 10 anos. E a quase metade da população, se forem tido em conta os números do Censos 2011 que indica um total de 9 milhões e 554 mil indivíduos.

Segundo o barómetro, a idade é uma das variáveis onde os smarphones têm penetração mais diferenciada. Destacando-se os jovens dos 15 aos 24 anos, onde as taxas de utilização superam o valor médio em quase 60%. “Com valores acima da média estão também os homens, os residentes nas regiões Grande Lisboa e Grande Porto, e os indivíduos das classes sociais mais elevadas”, lê-se na informação disponibilizada.

Mas não é só pela utilização que se confirma a grande adesão do público. Os dados mais recentes da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) indicam que no primeiro semestre de 2014 foram gastos cerca de 123 milhões e 261 mil euros em smartphones. Quase tanto como o montante que foi dispendido para comprar televisores (123 milhões e 456 mil euros). Mas, enquanto que o volume de vendas destes últimos subiu 14,5%, em relação ao primeiro semestre de 2013, nos telemóveis de nova geração o crescimento foi de 63,9%. Nos telemóveis tradicionais, o consumo registado foi de 9,643 mihões de euros, uma descida de 32% em relação ao período homólogo.

E a tendência é para continuar. Em 2013, a International Data Corporation Portugal contabilizou a venda de 2,19 milhões de smartphones. Até ao fim de 2014, a consultora estima que sejam comercializados 2,54 milhões de aparelhos – mais 12% que em 2013.

Segundo a IDC, no segundo trimestre de 2013, o mercado português dos smartphones era liderado pela Samsung, com uma quota de 33% do mercado e 187 mil dispositivos vendidos. Em segundo lugar encontrava-se a LG, com 12% e 70 mil unidades comercializadas, e em terceiro a Apple com 11% que vendeu 63 mil aparelhos.

No total de telemóveis (smartphones e tradicionais), no mesmo período, a Samsung mantinha a liderança com 36% do mergado, seguida pela Nokia (21%) e a LG (7%). No total foram vendidos 1,044 milhões de aparelhos.

Fonte: JN.PT

Gostou do que viu?

quer surpreender o seu cliente?

fale connosco.



marca successpigment
marca akaru.pt

Contactos rápidos

T. 234 028 984
Email: geral@contagio.pt

Av. Dr. Lourenço Peixinho nº105
R/C Loja E
3800-166 Aveiro